COMUNIDADE APROVA CONSTRUÇÃO DA CASA DA CULTURA ONDE HOJE EXISTE O CENTRO COMUNITÁRIO SEVERINO FABRIS

Na noite da última terça-feira (03) a comunidade Ibiraiarense compareceu em número significativo no Clube União, onde foi realizada a audiência pública para apresentação e discussão acerca do projeto desenvolvido para a construção da Casa da Cultura no Município onde hoje se encontra o Centro Comunitário Severino Fabris, sendo debatido e ouvido a população acerca do tema.

A proposta da construção de um local para desenvolvimento de atividades como oficinas, teatros, palestras, formaturas, além de espaço para a biblioteca pública com acesso a internet para uso de comunidade foi levado para apreciação dos munícipes, tendo em vista a importância da participação da comunidade nas decisões relevantes para o Município e também por ser executado o projeto no local onde hoje existe o Centro Comunitário Severino Fabris, construção que atualmente encontra-se interditada devido a seu estado precário interno, pois há problemas com a rede elétrica, esgoto, infiltrações quase que em sua totalidade, além da situação se agravar em dias de chuva.

Da demolição do Centro Comunitário, todo material em condições de ser reaproveitado, será utilizado na construção de um espaço no Parque de Eventos Prefeito Jacir Marini, pois no local até o momento não existe nenhuma construção que possa ser utilizada para os eventos que lá são realizados, e que pode ser utilizado pelas entidades tradicionalistas, escolas e pela comunidade.

Agora o projeto segue para aprovação no legislativo para a demolição do Centro Comunitário existente para então poder ser executado o projeto da Casa da Cultura.

A obra completa da Casa da Cultura incluindo toda a estrutura interna necessária está orçada em torno de R$ 2 milhões de reais, sendo que a proposta de execução é sem utilizar recurso livre do Município, mas sim proveniente de emendas parlamentares. Deste montante R$ 550.000,00 (quinhentos e cinquenta mil reais) já estão destinados por duas emendas junto ao Ministério da Cultura, que objetiva a construção da primeira e segunda etapa da obra.

Fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura de Ibiraiaras